‘Woodstock, a maior roubada de todos os tempos’

(…) festivais de rock (…) são das maiores roubadas do mundo contemporâneo (a não ser que você tenha uma credencial de imprensa e fique ali no gargarejo).

*

Festival de rock normalmente significa cerveja quente e cara, fila para tudo, chuva e lama, uma banda tocando lá longe. Vale como evento, como farra, se você tem menos de 30, não sofre de dor nas costas e está a fim de zoar o barraco (ou mais de 30 e nenhuma vergonha na cara). Musicalmente, a importância desses festivais é zero.

Woodstock, apogeu hippie, apresentou no line-up o que de mais chato e freak os anos 60-quase-70 tinham a oferecer. Janis Joplin, Ravi Shankar, Joan Baez, Creedence Clearwater Revival, Joe Cocker, Grateful Dead, Santana, Jefferson Airplane.

Não sairia de casa para ver esses malas nem por todo o dinheiro do mundo. O pior do rock e do folk ‘de protesto’, quase tudo aquilo que o punk veio felizmente destruir, encontrava-se em forma concentrada em Woodstock. Exceções: Jimi Hendrix, Sly & the Family Stone, The Who e Crosby, Stills, Nash & Young (esses últimos com alguma condescendência).

Àlvaro Pereira Júnior, segunda-feira (17/09), em coluna do caderno Folhateen, jornal Folha de S. Paulo, ignorando totalmente o contexto social da época, que motivou o evento. Ainda assim, um texto engraçado.

 

Culturettes

Escuta o Álvaro

Anúncios

5 opiniões sobre “‘Woodstock, a maior roubada de todos os tempos’”

  1. Eu não acredito gue vem uma bosta dessa falar de musica e dizer de woodstock não presta ,primeiramente essa merda não tem cultura musical nenhuma,tenho 49 anos e narci escutando beatles e roling stones ,com a graça de deus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s