Jornal de domingo, 2: 1808 100

Por trás do sucesso de 1808 há uma lição. Em 2007, quando Laurentino percebeu o próprio êxito, resolveu cavalgá-lo. Contratou uma assessoria que rastreou as vendas do livro, reinventou a obra lançando uma edição juvenil, um audiolivro, uma caixa com DVD, criou um sítio na internet e entrou no Twitter. Gastou R$ 300 mil do seu bolso (mas ganhou R$ 2 milhões). Deixou o emprego que tinha na Editora Abril e, nas suas palavras, ‘botei o pé na estrada’. Visitou 60 cidades, fez 250 palestras, autografou 5.000 exemplares e respondeu a 10.000 e-mails.

Elio Gaspari na Folha de hoje (só pra assinantes, infelizmente) sobre o autor Laurentino Gomes, há 100 (CEM!) semanas na lista de livros mais vendido do Brasil, com o best-seller 1808. Ele faz a ‘251ª’ palestra esta semana em Santos, na Tarrafa Literária, ‘não perdam!’.

Mais da Tarrafa (UPDATE: Moleskine em Santos!)

Anúncios

Uma opinião sobre “Jornal de domingo, 2: 1808 100”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s