OH NO! – o sertanejo universitário com trios e abadás é irreversível, diz marido de Wanessa

(…) esse movimento novo, que chamam de universitário, veio para ficar. Antes, o sertanejo era muito vinculado à coisa do matuto, que sai da fazenda e vai para a cidade, e tambem ao amor. Hoje, não é assim. Virou algo com mais ritmo, que mistura um pouco do pop-rock, principalmente na levada, um pouco do forró, em especial na gestão das carreiras, e um pouco do axé, porque os eventos têm trios e abadás. Isso é irreversível.

Ou seja, corram para as colinas! – Marcus Buaiz, empresário da noite, sócio do Ronaldo, marido e pai do filho da cantora Wanessa, em entrevista à Época São Paulo deste mês.

+arte&sociedade

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s