Jornal de domingo – o ar de Paris de Duchamp

( . . . ) Em certa ocasião, construiu uma gota de cristal com ar de Paris e deu de presente a uns amigos de Nova York.

Ar de Paris, ele a intitulou.

‘Como meus amigos tinham praticamente tudo, levei para eles 50 centímetros cúbicos de ar de Paris’, Duchamp comentaria anos depois.

Trecho do novo e ainda inédito livro do autor espanhol Enrique Vila-Matas, Ar de Dylan (CosacNaify), publicado no caderno Ilustríssima, da Folha de hoje.

Tem a ver: Empresa vende pingente com cópia do DNA de Justin Bieber

+arte&sociedade

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s