Andy Warhol prateado

Quando Andy Warhol já tinha pintado suas latas de sopa Campbell’s e copiado as caixas de sabão Brillo, estava entre os loucos da Factory, o ateliê na rua 47 que um dia decidiram pintar de prata.

‘Tinta prateada combinava com a cultura jovem dos seus frequentadores, com a música que dançavam, com o tipo de drogas que usavam, com sua promiscuidade ou ansiedade sexual’ (…)

Warhol dizia que ‘a cor prata era o futuro – os astronautas vestiam roupas prateadas – e também era o passado, a cor metálica das telas de cinema e as atrizes de Hollywood fotografadas em seus cenários prateados’.

Folha

+arte&sociedade

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s