Rodrigo Amarante >> ‘faculdade de jornalismo foi depressão do caralho’

Eu gosto de estar sozinho, mas não gosto de solidão.

Minha saudade é uma coisa que cultivo sem o menor sofrimento.

Se não tivesse feito jornalismo, não estaria no Los Hermanos. Conheci pessoas incríveis naquela faculdade, mestres, pessoas que viraram professores. O curso em si foi uma depressão do caralho. Enfim, estudei muito, tive aulas maravilhosas, aprendi francês. Mas não me formei porra nenhuma. Tivemos de sair antes. Bruno [Medina, tecladista] conseguiu se formar, sei lá como.

Ele é como se fosse família, um irmão. A gente cresceu e aprendeu a ser adulto junto. Digo que grande parte de eu ter virado compositor era de ver o Marcelo compondo e querendo fazer parte de um diálogo com ele.

R.Stone

+Los Hermanos

Papagoiaba no Facebook & Twitter

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s