Arquivo da categoria: culinária/gastronomia junk

Carne artificial >> mas pode chamar de hambúrguer com beterraba [!!] e caramelo [!!!]

[…] Essas células foram colocadas em uma solução para que se multiplicassem.crescidas, elas se transformaram em pequenas tiras de músculo, que foram unidas para formar pedaços maiores e depois congeladas.

[…] Inicialmente, a carne era branca. Para ganhar mais sabor e ter uma cor similar à da carne bovina, foram adicionados suco de beterraba, farinha de rosca, açafrão e caramelo na receita.

Carne artificial é apresentada e degustada em evento em Londres

UPDATE >> As críticas do primeiro hambúrguer cultivado em laboratório não foram ruins

UPDATE [2] >> Hambúrguer de proveta não agrada paladares, mas apela para a defesa dos animais.

+culinária/gastronomia junk

Papagoiaba no Facebook

Anúncios

Quer goiaba?

goiaba

Mais do Oesp. O destaque no caderno Paladar de hoje foram os doces feitos a partir da goiaba. E como este blog é uma homenagem à fruta (da qual eu só como o doce – já disse no Twitter), resolvi copiar aqui uma receita fácil e rápida de ‘goiabinha sofisticada’ (Receitas geek-feelings):

Petit-four de marzipã (24 porções, 20 minutos)

Ingredientes: 300g de marzipã; 250g de goiaba; açúcar cristal;

Preparo: Divida o marzipã em duas partes e abra-as com um rolo. Sobre uma camada, ponha a goiabada. Ponha a outra camada por cima. Corte no formato desejado e cubra com açúcar cristal.

Em tempo, já que é a primeira vez que se toca em goiaba neste blog que traz o nome da fruta, papagoiaba é como são chamados (não sei de forma pejorativa ou oficalesca), os nativos do glorioso município de Niterói, estado do Rio de Janeiro.

 

ao som de Marisa Monte – Não é Proibido (Deeplick Remix) – mentira, mas na verdade bem que poderia ser essa a trilha sonora deste post adocicado. ‘Dá um ligue’ na letra da música.