Arquivo da tag: daft punk

KEEP CALM AND #GETLUCKY!

Sem pirotecnias vocais, sem um refrão prenunciado por um break instrumental e – excetuado o uso ocasional de um vocoder (sintetizador de voz) -…

… sem qualquer das marcas registradas dos discos do Daft Punk que se tornaram a assinatura sonora do pop dos anos 2000.

Deve existir algo de revelador no fato de que os dois maiores singles do ano – ‘#GetLucky’ e ‘#BlurredLines’, de Robin Thicke nada tenham a ver com o rave-pop de fórmula repetitiva que domina as paradas nos últimos anos.

Canção do ano, ‘#GetLucky’ aponta mudança

+música

Papagoiaba no Facebook & Twitter

Anúncios

E os shows mais inovadores de 2008 são…

Lembra que eu não ia mais falar daquelas listas de melhores do ano? Então, têm surgido umas exceções criativas, tipo esta do blog Accent Feed, que eu desconhecia. São os 10 visuais mais inovadores para shows em 2008. E adivinha só: a pirâmide do Daft Punk, que passou por aqui no Tim Festival de 2006, continua imbatível, no topo do ranking feito pelo Accent (por lá, é possível ver o vídeo de cada um dos concertos que o blog elencou).

A relação traz nomes meio que desconhecidos para nós brasileiros – pelo menos pra mim, como Etiene de Crecy (2º, da França), Cornelius (6º, Japão) e Young Brother (10º, Reino Unido).

No entanto, outras figurinhas beeem conhecidas em todo mundo foram lembradas. A Sticky & Sweet Tour da Madonna, por exemplo, cuja última etapa aconteceu este fim de semana em São Paulo, cravou a 9ª posição. O Nine Inch Nails, que também é notório pela criatividade de luzes em cima do palco, vem melhor colocado, em 4º, depois do Massiva Attack (3º).

Sobra até para George Michael (??), em um respeitável 5º lugar. A boa notícia é de que o Kraftwerk, que vai abrir os shows da turnê brasileira do Radiohead em março, também consta da lista, foi eleito o 7º melhor show de 2008.

Falando em Thom Yorke e companhia, senti falta dos caras no ranking.
Via Computerlove.